23 de agosto de 2010

Vigiar e orar

"Vigiem e orem para que não caiam em tentação. O espírito está pronto, mas a carne é fraca." Mateus 26:41
No curso de férias de 2009, o Patrick disse algo muito legal quando ele estava falando sobre oração:

Devemos orar de olhos abertos e vigiar de olhos fechados

Nossa, acho que tenho entendido melhor isto por estes dias, e já vai fazer mais de um ano...
Devemos orar de olhos abertos, olhando para o que está a nossa volta, pelas causas e pelas pessoas... E isto me lembra outra coisa muito legal que li no livro do C.S.Lewis, o Cartas de um Diabo a seu jovem aprendiz, o diabo instrui seu aprendiz:


"Não há dúvida de que é impossível impedir que ele ore por sua mãe, mas nós temos meios de tornar estas orações ineficazes. Faça com que ore de manei­ra bem "espiritual", e que esteja sem­pre mais preocupado com o estado de sua alma do que com o reumatismo dela."
E o objetivo destas orações bem espirituais é afastar o filho de quem a mãe realmente é, e assim tornar as oração ineficaz, pois ele estará orando por alguém inexistente!


Então devemos sim orar de olhos abertos, abertos para as causas que estão ao nosso redor, sensível ao que realmente as pessoas precisam e atentos ao mundo. Para que assim possamos encontrar em Deus as respostas para o mundo em que verdadeiramente estamos.

E por que devemos vigiar de olhos fechados?

 Então alguns fariseus e mestres da lei, vindos de Jerusalém, foram a Jesus e perguntaram:  “Por que os seus discípulos transgridem a tradição dos líderes religiosos? Pois não lavam as mãos antes de comer!” (...)  (Jesus disse)Hipócritas! Bem profetizou Isaías acerca de vocês, dizendo: “ ‘Este povo me honra com os lábios, mas o seu coração está longe de mim. Em vão me adoram; seus ensinamentos não passam de regras ensinadas por homens’”. 
Jesus chamou para junto de si a multidão e disse: “Ouçam e entendam.  O que entra pela boca não torna o homem ‘impuro’; mas o que sai de sua boca, isto o torna ‘impuro’ ”. (...) Então Pedro pediu-lhe: “Explica-nos a parábola”. “Será que vocês ainda não conseguem entender?”, perguntou Jesus.  “Não percebem que o que entra pela boca vai para o estômago e mais tarde é expelido? Mas as coisas que saem da boca vêm do coração, e são essas coisas que tornam o homem ‘impuro’. Pois do coração saem os maus pensamentos, os homicídios, os adultérios, as imoralidades sexuais, os roubos, os falsos testemunhos e as calúnias. Essas coisas tornam o homem ‘impuro’; mas o comer sem lavar as mãos não o torna ‘impuro’.”
Mateus 15:1-20(retirei alguns trechos indicando por (...) para ler o texto completo)


Porque o que realmente pode nos ameaçar é o que está dentro de nós! E creio que este trecho já deixa isto muito bem explicado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário